Dei para o meu pai, dei para o meu amigo (Assine)

Dei para o meu pai, dei para o meu amigo

Agostine L. M (2002) – Vila Maria Baixa – São Paulo – SP

Transcrito por Anna Riglane

Tudo aconteceu muito rapidamente.

Num dia ouvi uma conversa muito suspeita da minha mãe ao telefone.

No dia seguinte descobri a senha do celular dela e… ela estava marcando encontro com uma cara.

Dois dias depois, dia do encontro, eu queria que o meu namorado me ajudasse a seguir ela, mas ele ficou enrolando e na última hora falou que não ia.

Meio brava com ele e desesperada para seguir a minha mãe, vi o meu amigo e vizinho saindo de moto, pedi que me levasse.

– Estou saindo pro trabalho… mas levar você aonde… num motel? – ele brincou… quer dizer, lançou mais uma das cantadinhas que costumava lançar.

– Depois você leva. – falei, sem pensar direito no que eu estava falando.

Assine para continuar lendo

Assine por R$ 9,90 mensais e tenha acesso a centenas de contos renovados periodicamente


Encontre mais contos eróticos da Anna Riglane também na

amazon

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s