Minha super amiga diz que eu tenho foderastia assincrônica reversa (Assine)

Minha super amiga diz que eu tenho foderastia assincrônica reversa

Odair F. B. (1998) – São Paulo – SP

Transcrito por: Anna Riglane

Alguns dizem que é doença, outros dizem que é frescura curável com dízimos, outros dizem… dizem tantas coisas, mas tem aqueles que dizem que, simplesmente, é gostoso.

E eu digo que faço parte desse último grupo, não vou dar o meu dinheiro para um pastor qualquer me falar um monte de merda, e muito menos dar bola para o que dizem ou que deixam de dizer as muitas outras pessoas.

Cada um faz sexo como melhor desejar.

Minha primeira vez foi com uma menina, colega de escola, muito bonitinha, muito amável, e que se tornou minha eterna amiga.

A gente se dava muito bem, mas eu não pensava nessas coisas com ela. Na verdade, meus pensamentos eram outros, eu não tinha certeza ainda, não queria admitir, mas eu tinha “desvios”, conforme as palavras do “pustor” (pastor puto) da igreja, não para mim, mas que me atingiam.

Se algum menino da escola me falasse com jeito… não sei, não.

Mas aconteceu uma ficada com a minha colega e amiga numa festinha, na casa dela, e nos dias seguintes, feriado, a convite dela e dos pais dela, fomos a uma chácara… ela já foi preparada.

Assine para continuar lendo

Assine por R$ 9,90 mensais e tenha acesso a centenas de contos renovados periodicamente


Encontre mais contos eróticos da Anna Riglane também na

amazon

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s