Meu marido não é um chifrudo (Assine)

Meu marido não é um chifrudo

Paula R. (1984) – Campinas – SP

Transcrito por Anna Riglane

Noutro dia minha amiga, referindo-se ao meu marido, chamou-o de chifrudo.

Na hora fiquei bronqueada, dizendo que ela não podia dizer isso.

– Mas só estou falando a verdade – ela disse. – Você corneou ele por mais de três anos, se é que ainda não corneia.

– Claro que não! – gritei. Aquilo foi em outros tempos. Já passou. E também…

– Também o quê?

– Nada. Não vamos entrar nesses assuntos… por favor.

– Tem culpa no cartório, não é?

– Por favor…! – pedi.

E então ela mudou de assunto.

Mas depois fiquei pensando como é fácil julgar e condenar os outros quando não se sabe toda a verdade.

Mas pensar me fez lembrar.

(…)

Tudo começou quando eu tinha 16 anos.

Assine para continuar lendo

Assine por R$ 9,90 mensais e tenha acesso a centenas de contos renovados periodicamente


Encontre mais contos eróticos da Anna Riglane também na

amazon

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s